Resultado de um trabalho de pesquisa de três anos, o filme recupera a trajetória da freira Dorothy Mae Stang, nascida em Ohio, naturalizada brasileira e que dedicou as quatro décadas em que viveu no Brasil – desde 1967 – à luta pelos direitos de pequenos agricultores e sem-terra. Junto com outros religiosos da companhia Notre-Dame, ela apoiava especialmente o Projeto de Desenvolvimento Sustentável (PDS), que prevê o assentamento de famílias em terras da Amazônia destinadas pelo governo federal.

 

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: