Os Mistérios do Jardim do Éden

O Jardim do Éden. Para quem crê na bíblia, é o lugar onde Deus criou o homem. Para o cientista secular, o Éden é uma metáfora da origem da humanidade. Seja como for, os primeiros capítulos da bíblia influenciaram toda a civilização ocidental. Somos o que somos e pensamos como pensamos porque a bíblia teve papel dominante em nossa história e cultura. Seria o Éden mais do que simples lenda ? Os cruzados achavam que ele ficava em terras do leste. Os exploradores o procuraram no novo mundo. E agora o homem talvez esteja muito próximo de encontrar esse jardim.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

Mitos da Humanidade: O Filho de Deus

Estamos no ano 324 da era moderna e Constantino o imperador romano que impôs o cristianismo a seu povo, reuniu seus bispos para por fim a um grande debate teológico. Jesus havia morrido três séculos antes e seus seguidores discutiam a personalidade e a origem do seu Messias. A decisão final do imperador marcará o curso da cristandade durante os dezoito séculos seguintes. Jesus de Nazaré é eleito filho único de deus por decreto imperial. Todas as demais opiniões foram descartadas e aqueles que se opõem são rapidamente executados.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

 

Mitos da Humanidade: O Mahabharata

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Aquele que pensa que pode matar e aquele que pensa que pode ser morto, se equivoca. O desejo nubla a sabedoria, esse é o eterno inimigo do sábio. Nenhuma arma pode perfurar a vida que há em ti, nenhum fogo pode queima-la.” No ocidente, as vezes estudamos as grandes obras da literatura antiga mais por obrigação que por puro prazer. Homero, Shakespeare nos parecem estranhos, intelectuais, elitistas. O passado não está vivo para a maioria de nós. Perdemos a nossa conexão com ele e nos sentimos estranhos no mundo dos nossos avós. Esse é o preço que temos que pagar pelo progresso que é certamente a crença de que as cidades douradas estão sempre no futuro, na vanguarda. Mas as gerações seguintes que viveram e ocuparam as terras que seus antepassados haviam ocupado, pelo menos chegaram a entender, apreciar e inclusive amar as culturas em que viveram e isso é especialmente certo na Índia. Aos jovens oficiais e funcionários que chegavam pela primeira vez em suas casas lhes era aconselhado que se queriam entender a verdade, a essência do lugar e seu povo, deviam ler simplesmente um livro, O Mahabharata, a epopeia mais antiga do mundo com seus 90 mil versos, o mais longo poema épico escrito, superando a Bíblia e todas as obras de Shakespeare juntas.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

 

Em Busca Da Atlântida Perdida

Este slideshow necessita de JavaScript.

A lenda de Atlântida tem fascinado a humanidade ao longo dos tempos. A busca por Atlântida levou Cristóvão Colombo a descobrir a América. Os britânicos esmiuçaram os Açores e os nazistas vasculharam a costa da Noruega na esperança de desvendar seus segredos. Contudo, a busca pela verdade continua nos tempos modernos. Usando a descrição que Platão fez de Atlântida para identificar as distintas características da cidade, três equipes de arqueólogos saem para provar ou desmitificar se estes antigos locais pode

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

Gigantes: Mistérios e Mitos

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Os maias e os incas da América do Sul acreditavam que existia uma raça de gigantes na Terra antes do grande dilúvio. O mesmo se deu com muitas outras antigas civilizações. Alguns os tomaram por deuses, outros reproduziram suas imagens em pedra, ou escreveram sobre eles em suas estórias. Os gregos e os romanos falaram de sangue que caiu do céu  no colo da deusa Gaia, gerando os Titãs, uma raça de temidos gigantes.
Embarque nesta aventura e conheça as diversas lendas que existem ao redor do mundo sobre esses personagens míticos.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

Portões do Inferno

O The History Channel discute um assunto intrigante defendido pela mitologia antiga e pelas lendas cristãs: alguns lugares do mundo seriam verdadeiras passagens para o reino das trevas.
No especial inédito Portões para o Inferno, o canal mostra quais são esses lugares – entre eles, um vulcão na Islândia, uma caverna nas selvas da América Central e um lago de fogo na África – e porque eles teriam recebido tal denominação. Para muitas culturas antigas, o inferno estaria localizado abaixo da terra e poderia ser acessado através de lugares remotos, de difícil acesso, como vulcões, desertos, ilhas e cavernas.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI 

O Santo Graal

A busca pelos vestígios de uma era misteriosa. Será que uma espada com poderes mágicos realmente existiu ? Onde se localizava o fabuloso castelo de Camelot ? Quem foi o rei Arthur ? E os cavaleiros da távola redonda ? Onde estava localizado o lendário castelo do Graal ? O castelo que guardou a relíquia mais sagrada do cristianismo.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

Deuses e Deusas da Mitologia Grega

Atenas, Grécia, uma cidade viva com comércio e cultura. Ela é também uma cidade de fé, fé grega ortodoxa mas já existiu um outro mundo aqui. Os que voltam no tempo, estão em busca de um mundo igualmente vivo e religioso, o mundo da Grécia Antiga. Ele ainda fala para nós através de um de seus legados; a Mitologia Grega. Era povoado por muitos deuses e deusas, cada um com determinados poderes no mundo e cada um com sua própria história. Por dezenas de milhares de anos anteriores ao tempo bíblico contos sobre deuses e seus feitos eram passados adiante por contadores de história.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !

Sita Canta o Blues – O Hamayana animado

Sita Sings the Blues é uma animação criada por Nina Paley  que conta a história de Sita e Rama, dois personagens do Ramayama, um conto que faz parte das escrituras do Hinduismo. Paralelamente conheceremos um pouco da história da própria diretora que viu seu casamento acabar depois que o companheiro partiu à trabalho para a Índia. O filme estabelece uma curiosa relação entre Sita, a esposa fidelíssima e muito injustiçada de Rama e a própria Nina.Outros destaques muito interessantes ficam por conta da trilha sonora que conta com as  canções de Annette Hanshaw, uma cantora de jazz que ficou famosa nos anos 20 pela forma cativante com que usava sua “pequena” voz para cantar melodias de amor. O outro destaque é a licensa do filme. Essa obra abre mão de direitos autorais e a diretora autoriza o cópia ou reprodução da obra com ou sem fins lucrativos.

Quer baixar esse vídeo ? Clique AQUI !